A.A.A.A. Moita

segunda-feira, 5 de novembro de 2007

A Associação dos Amigos dos Animais Abandonados da Moita enfrenta uma ordem judicial para abandonar o terreno onde funcionam as actuais instalações e debate-se com falta de dinheiro para alimentar cerca de 500 animais. Entre cães e gatos recolhidos, o número de animais recolhidos pela associação está perto de atingir as cinco centenas, e que agora poderão “perder” as suas “casas” devido a uma ordem judicial de despejo.
A responsável explicou que a proprietária pediu cerca de 700 mil euros pelo terreno.“Não temos sítio para colocar os animais. Existem outros interesses para o terreno, que nos está subalugado por cerca de 300 euros mensais”, disse.A vice-presidente referiu que nos últimos tempos o número de animais recolhidos para a quinta, que, segundo Isabel Lopes, se situa longe de habitações, aumentou bastante. “Efectuámos obras e os recursos são poucos. Os animais abandonados aumentaram e muitas fêmeas já vinham prenhas, o que contribui para aumentar as dificuldades”.
Isabel Lopes diz que vai continuar a lutar por amor aos animais e garante que com ela vão estar mais amigos dos animais.“Não temos sítio para os colocar e temos dificuldades para os alimentar, mas na quinta não os vão abater e se os quiserem levar dali, vão ter que levar muitas pessoas”, concluiu. http://aaaamoita.com.sapo.pt/
Espero que isto não venha a acontecer, depois de tanto sacrificio para fazer obras naquele terreno, tanto esforço para dar um melhor espaço aos animais... Serem desalojados?????? Abater os Animais?????